background

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Italia - Roma - Viagens gastronomicas - Parte 3

Para lembrar, esta serie de viagens gastronômicas pela Italia e Espanha conta a viagem de ferias que o marido fez, neste post continuamos o passeio dele por Roma.

Abaixo uma parada para tomar um gelato na gelateria Della Palma.

Pêra e champagne
Que fica perto do maravilhoso Panteão.



Anoitecendo, foi até uma das mais antigas cantinas de roma: Checchino


Coda alla vaccinara 
A rabada estava boa, mas disse que a minha é bem melhor. Molho vermelho com um sabor intenso de salsão, como pode-se notar na foto. Pinoles acompanhavam o molho.

Sobremesa: torta stracciatella incrivelmente molhada e com muitos pedacinhos de chocolate. Para acabar bem a noite.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Presentes natalinos

Ganhei da minha irma as caixinhas e da minha tia o cha do pacotinho vermelho lá atras. Este ultimo, veio da Austria.


sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Kefir !!

Acabei de voltar lá da Lapa onde fui buscar a mais de 20km de distancia de casa um pouquinho do Kefir de Neide Rigo, que depois de mais de 5 meses do contato com ela, somente agora consegui um tempo pra dar uma passadinha na casa dela! :0 Infelizmente gostaria muito de ter feito algum bolinho ou cookies pra ela, mas não deu tempo! Acabei comprando flores ( ciclamem ) e , muito simpatica, me disse que estava precisando de flores na sala :)

O Kefir é considerado um super-probiotico. Aqui neste site tem muita informação sobre ele.

Segue abaixo algumas fotos e aqui vocês podem ver como se cultiva o Kefir.
Acho que em menos de 24h terei o meu primeiro leite fermentado, esta muito quente!

A colonia de 70 microorganismos




Olha o grazinho de Kefir boiando no leite!

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Bolo de cenoura integral

Tava pesquisando a receita do pão anterior e achei esta no mesmo blog.
Gostei do visual do bolo com as cenouras raladas no grosso.



Como costumo fazer meus bolinhos " a olho " vou colocar abaixo aproximadamente o que usei:

Bolo de cenoura integral


1 xicara de farinha de centeio
1/2 xicara de farinha integral
1/2 xicara de farinha branca
1 xicara mal cheia de açucar mascavo
1/4 xicara de mel de laranjeira
1 cenoura grande ralada no ralador grosso
2/3 xicara de uvas passas escuras
1/2 xicara de oleo de girassol
1 colher de sobremesa de fermento quimico em pó

Misture os liquidos primeiro e depois acrescente o resto, até ficar " tudo junto e misturado ".
Unte e enfarinhe uma forma pequena, eu usei e sempre uso esta de pão 10x20cm.
Coloque no forno 180 graus e faça o teste do palito.

Bom demais!

Mostarda francesa

Ganhei esta mostarda francesa da sogra.
Ela é bem forte, tem estragão na composição e por enquanto usei somente para acompanhar peixes grelhados.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Pão de férias ou pão com amendoas

Enfim estou de ferias!
Como é bom ter bastante tempo pra mim mesma, fazer o que gosto: cozinhar e correr!

Meu pão da semana estava no fim, ou melhor, estava secando devido a este tempo quente e seco. Comprei um pão enorme de centeio do Oliver Anquier e durante a semana ele foi ficando duro...nao tive tempo suficiente de traça-lo inteiro e acho que vai virar farinha de rosca! Está pura torrada.

Ok, como consegui entregar meu projeto antes do tempo previsto, deu tempo de assar esse pão cuja receita peguei aqui e fiz algumas adaptações.





Pão de férias ou pão com amêndoas 

1 xicara de farinha de trigo
1/2 xicara de centeio
3/4 de xícara de farinha integral
1 pacote de 10g de fermento de pão granulado
1 xícara de leite morno
1/4 de xícara de mel
1/4 de xícara de azeite de oliva
1/2 xicara de amendoas em pedacinhos douradas no forno
sal a gosto

No bowl da batedeira, misturei as farinhas e o sal, abri uma cova no meio e coloquei o leite misturado com o fermento e depois o mel e o azeite. Use o gancho para bater a massa. Bati durante alguns minutinhos até que ficasse uma bola meio pegajosa. Precisei adicionar um pouco de farinha integral até que ficasse no ponto. Cobri com um pano e deixei que dobrasse de tamanho. 

Tire o ar da massa dando uns soquinhos, coloque as amêndoas e sove mais um pouco até incorporar na massa. 
Faça uma bola novamente e deixe numa forma de pão de 10x20cm. deixe crescer novamente até dobrar de tamanho.

Asse em forno 180 graus. Por uns 30-40 minutos. O ponto do pão é quando tamborilar os dedos nele, sentir um som oco. Esta pronto!

Adoro a pontinha do pão!


domingo, 18 de dezembro de 2011

Takenokô

Não tem coisa mais facil que preparar um takenoko  ou broto de bambu fresquinho. Para não ter aquele amargor, precisa ser um broto recém colhido, o mais branquinho possivel. 

Este da foto abaixo estava começando a ficar mais esverdeado, mas a luz acentuou os tons verdes.
Um truque para tirar o amargor é colocar uma colherinha de bicarbonato junto com o broto para cozinhar e deixar cozinhando até que fique macio. Despreze a agua e tempere.

Takenokô ou broto de bambu


Eu faço assim, mas se preferir pode cortar em tirinhas finas.
Depois de aferventar até ficar molinho juntamente com 3 shimejis secos e um pedacinho de alga kombu, desprezo um pouco a agua e tempero esta quantidade de broto da foto com umas 5 colheres de sopa de shoyu, 2 de sake mirim, suco de meio limão pequeno e uma colherinha de sobremesa de hondashi. Misturo de deixo alguns minutos pegando o gosto. Esta pronto!

É gostoso também geladinho do dia seguinte, quando os sabores se intensificam.



quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Maxixe com misô

Conhecem o maxixe? 
É parente do pepino, tanto é que podem ver pela foto abaixo como parece com ele. Podemos comer também da forma crua, retirando-se a casca com aqueles "espinhos" e não tem muitas calorias! rs


Eu costumo fazer refogado com cebola e misô:

- 500g de maxixe ( comprei 1 pacotinho, devia ter quase 500g )
- 1 cebola em fatias "meia lua"
- 2 colheres sopa de oleo de gergelim
- 1 colher de sopa de misô
- 2 colheres sopa de saque mirim
- 1 pitada de hondashi ( caldo de peixe em pó )
- agua ( um pouquinho para dissolver o misô )

Refogue a cebola, adicione os maxixes cortados em meia lua e deixe refogar até ficarem macios. Coloque o saque e misture. Adicione misô dissolvido em um pouquinho de água com hondashi, jogue no refogado. Misture e deixe a agua secar um pouco, ficando um molhinho ralinho um pouco mais encorpado.
Pronto!



segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Restaurante Dare



Fomos a este restaurante coreano na regiao do Bom Retiro, um bairro com muitos imigrantes coreanos em SP, uma dica de um colega de trabalho do marido. 
Boa dica por sinal, é do tipo "BBB" bom-barato-bastante! =))

O cardapio é bem variado, ainda vamos voltar mais vezes para experimentar mais itens dele, com certeza! 
O restaurante é pequeno, muuito simples. Frequentadores coreanos mesmo. Acho que neste dia, só eu e o marido de descendentes japoneses. Serviço bom, com atendentes "brasileiros" e rápidos.

Acompanhamentos: não sei o nome, mas tinha panqueca de legumes, saladinha verde, kimchee, tofu, conserva de nabo, vagem refogada,lula em conserva, folhas de nori crocantes.

Pedimos bulgogui de alcatra, não tinha grelha para fazermos nosso proprio churrasco, veio assim, como tepan.

Pedimos também anchova grelhada. Deliciosa!


Restaurante Dare
Rua Correia de Melo , 117 - Bom Retiro - São Paulo - SP
Tel (11)3337-2533

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Amendoim: um alimento funcional

Interessante materia da Runner´s Word de hoje:


Amendoim alcança status de alimento funcional

Apresentar e discutir as propriedades funcionais do amendoim na alimentação: esta é a proposta da palestra “Amendoim - riqueza nacional”, que ocorrerá na próxima segunda-feira (12/12), às 9h30, no Centro de Convenções Ribeirão Preto.
A pesquisadora Dra. Vanderli Marchiori, nutricionista, fitoterapeuta e secretária geral da Associação Brasileira de Nutrição Esportiva, apresentará a profissionais da saúde, educação e membros da cadeia produtiva os resultados de seus últimos estudos. “A composição do amendoim é rica em ácidos graxos insaturados, benéficos à saúde, e fonte de proteína vegetal, fibra dietética, minerais, vitaminas e antioxidantes, que podem proteger as células e ajudar no combate a doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer. Por isso, o amendoim é um grande aliado da nutrição humana”, afirma a especialista.
Estarão presentes no evento cardiologistas, neurologistas, nutrólogos, secretários de Educação e de Saúde, além de empresários e produtores que plantam amendoim em todo o interior do Estado.
Pesquisa realizada pelo Ibope, encomendada pela Abicab, (Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados), revela que 66% da população brasileira tem o hábito de consumir amendoim.
Com o consumo se consolidado cada vez mais, agora a ciência comprova outras características que vão além da praticidade e do sabor. Entre os diversos estudos no Brasil e no exterior nos últimos anos, a pesquisa de Vanderli Marchiori se destaca por acabar com o mito do amendoim como alimento que engorda. “O amendoim, quando consumido na quantidade certa (recomenda-se 30g por dia) e em lanches intermediários, garante a saciedade por mais de duas horas, o que inibe a ingestão de alimentos mais calóricos. Ou seja, além de não engordar, ajuda no processo de reeducação alimentar”, complementa Marchiori.

Benefícios
O amendoim tem grande quantidade de proteínas vegetais – de 25% a 30% de sua composição – e é rico em fitoesteróis, um tipo de gordura presente em óleos vegetais e frutos oleaginosos, reconhecida desde a década de 1950 por sua capacidade de baixar os níveis de colesterol ruim (LDL) do sangue. Auxilia no controle do peso, da gordura abdominal e dos níveis de açúcar no sangue.
 Novas pesquisas têm demonstrado que os fitoesteróis possuem efeito anticancerígeno, com atuação no organismo em diferentes frentes: inibindo a proliferação celular, estimulando a morte de tumores e modificando alguns dos hormônios que levam ao crescimento destes. Estudo publicado no The Journal of Nutrition, em 2008, revelou que um grupo de pessoas que consumiu amendoim diariamente apresentou 33% menos incidência de tumores.

Importância regional
Produzido em áreas de renovação com cana-de-açúcar, o amendoim promoveu significativas mudanças econômicas ao gerar empregos e renda no interior, em regiões sem espaço para uma cultura alternativa. Pequenos produtores de cana, por meio de arrendamentos, tornaram-se grandes produtores de amendoim.
Cidades como Jaboticabal, Dumont e Ribeirão Preto são grandes produtoras e pioneiras no modelo de rotação da cana-de-açúcar com amendoim. Em todo o Brasil, estima-se uma produção que supera 300 mil toneladas nesta safra 2011/2012, e o Estado de São Paulo será responsável por 80% desse total.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Banana chips e mandioca chips

Se você um dia passar pela cidade de Registro - SP, tente procurar estas maravilhas abaixo:




Banana chips. (não consegui virar a foto...deu pau no blogger! rs )
São as melhores que já comi na vida!!
São caseiras, feitas na chacara da tia do marido, lá de Sete Barras pertinho de Registro .
A tia fala que uma grande empresa famosa de salgadinhos tentou comprar a "patente" banana especial, que só eles sabem que especie é. Voce vê que a banana é grande e não fica despedaçada quando fatiada e frita.

O bananal

Lá também tem viveiro de plantas de corte, anturios e comigo-ninguem-pode.
Super jaqueira carregada

Close na banana chips: muito diferente das que voce ve vendendo por ai ne? 

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Um jantar para mamãe corredora

Domingo passado, mamãe subiu no podio da Corpore, corredora das boas, ficou em terceiro lugar para a categoria da faixa etária dela ( ela tem 62 anos ! ) e minha tia com 72 anos ficou em segundo lugar!

Galera da assessoria de corrida Flavio Freire

E para comemorar um dia tão especial, fiz um jantarzinho bem caseiro em casa.

Tudo começou sabado, quando o sogro voltou da pescaria perto de Registro. Ganhei este peixão, fresquinho e já limpinho para assar! Olha que maravilha:

Tilapia ou Saint-peter para "afrescalhar"...
Temperei com sal grosso, tomilho seco, 1/2 limão e azeite. Embrulhei e deixei no forno 200º. Como estimei que tivesse 2kg, deixei 50 minutos assando. Uma maravilha, ficou tenro, com a carne suculenta.

Aproveitando o forno quente, assei uns legumes: tomates organicos, mandioquinha, beterraba, abobrinha e alho-poro, temperados com pimenta branca moida na hora, sal grosso e azeite.

Fiz também rapidamente, um tipo de yakimeshi com arroz cateto integral com ovos organicos da chacara da tia do marido e nirá ( um tipo de cebolinha japonesa ) também organico.

Nada como um peixe fresquinho, comi até...


domingo, 4 de dezembro de 2011

Falsa cheesecake com amoras

Um doce que comi nos EUA e me impressionei de tão boa, foi uma cheesecake.
Procurando pela net afora, vi que este doce nasceu na Grecia antiga, e se popularizou nos EUA, principalmente em Nova Iorque. A receita basicamente vai quase 500g de cream cheese, sourcream, açucar, ovos e creme de leite fresco. Mas ainda vou fazer um, mas a partir de um cream cheese caseiro, uma solução mais barata e mais saudavel.

Historias à parte, fui inventar de fazer este doce na sexta feira, pro churrasco de almoço do sabadão.
Correria, depois do trabalho, fazer duas sobremesas não é mole não. Vinte pessoas não é pouco, então só o pavê não ia dar. Corre pra la, faço o creme do pavê e deixo esfriar. Corre pra cá, pico as lichias em calda. Paro pra jantar. A cozinha tá uma zona, panelas com comida quente e potes de salada lavada e outras com legumes cozidos no vapor em meio da montagem do pavê e ainda tenho que colocar as amêndoas pra dar uma leve tostada para também colocar no pavê. A pia vai enchendo....volto pra montar de vez o pavê. OK, já esta pronto pra esfriar e depois colocar na geladeira. Menos uma.

A cozinha esta horrorosamente bagunçada. Odeio isso! Mas vamo que vamo, guardo os potes de salada, arrumo a mesa e vamos fazer a cheesecake. Mas cadê minha forma de anel removivel?? Ihhh...tá na casa da mamis! Ai, lá vou eu, pegar o carro e ir até mamãe, que felizmente mora praticamente na rua de trás, mas que sem carro não é facil não subir morros a essa hora da noite. Em vinte minutos estou de volta, pego o liquidificador e por que diabos não funciona? Mexo aqui, mexo ali, ah, a setinha da base tem que coincidir com a do copo. Finalmente coloco tudo la dentro, leite, leite condensado, ovos e ricota. Ligo o aparelho e me desligo um pouco, vou pensar em picar o resto da ricota. Em alguns segundos, não vejo que o liquido esta escorrendo pela base. Ahhhh!! Meu deus, não apertei direito a rosca da lamina! Formou-se uma pocinha de liquido doce na pia e a base do liquidificador parecia um bolo recebendo uma calda por cima, escorrendo pelos lados. Tudo que menos queria era trabalho pra fazer isso...será que vai dar certo? Parte do doce foi embora. Tirei o copo da base, tentei apertar mais um pouco, mas não deu muito certo. Continuou a escorrer um pouco, mas tudo bem, não precisava ficar bantendo uma eternidade. Apenas para misturar bem os ingredientes.

Coloco em cima da base de biscoitos e vamos pro forno, por favor!
Torta no forno, hora de arrumar a cozinha finalmente.



Falsa cheesecake com amoras

- 1 pacote de biscoito de aveia
- 50g de manteiga derretida
- canela em pó a gosto
- 500g de ricota
- 1 lata de leite condensado
- mesma medida da lata de leite
- 4 ovos medios
- 1 colher sobremesa de essencia de baunilha
- amoras congeladas para enfeitar

Forno pré- aquecido 180º

Prepare primeiro a base de biscoitos:
Bata no liquidificador os biscpitos até ficarem uma farofinha. Derreta a manteiga e misture com os biscoitos, até umedecer e ficar como paçoca, acrescente a canela em pó. Aperte essa mistura no fundo de uma assadeira redonda de uns 20cm diametro, com anel removivel. Reserve.

Bata no liquidificador os ingredientes restantes menos as amoras. Não precisa bater muito, certifique-se que tudo esteja bem misturado. Jogue em cima da base de biscoito. Agora coloque as amoras em cima da massa, com cuidado para que não vá para o fundo. Coloque a assadeira em cima de outra, para certificar-se que não vá escorrer nada pelo anel removivel.

Coloque no forno e deixe até firmar. O ponto será quando o centro estiver meio molinho ainda. Depois que esfriar a torta se firma.

Resumo da ópera: deu super certo, o pessoal gostou bastante! E eu fiquei aliviada...

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Meu proximo desafio: Maratona da Muralha da China

Estou me preparando para o 1° grande desafio da minha vida: fazer a Maratona da Muralha da China!
Fotos abaixo do site da maratona:



Affff, é um tobogã de escadarias...

Meu deus, onde fui me meter? hahah
Passagens já estão fechadas, pacote da maratona ok. Maio 19/ 2012 lá vou eu...

Previa: não pensem que a maratona é somente na muralha com seus 5.164 degraus, também passarei por vilas, estradas de asfalto, terra...lembrando que quando falamos de maratona  são oficiais 42.195m !!
( Gente, a São Silvestre não é maratona, é corrida de 15km! rsrs )


Enquanto isso, já estou no 2° mes de treinos. Intensos, escadarias e mais escadarias...corrida em terra, grama, asfalto e arquibancadas. Treinos passando de 1 hora ( por enquanto ), ainda nem comecei a fazer volume de quilometragem! Mas vamo que vamo! O Desafio esta lançado! 

Leia estes aqui também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget